top of page

Fotografia de produtos feitos com chocolate

Em 2010 me tornei sócia de uma chocolataria em Curitiba, a Cuore di Cacao. Nosso time era composto por uma chocolatière, a Carolina e uma designer, a Bibiana, irmãs e sócio fundadoras da marca. Com a minha entrada na sociedade, ficou clara a minha participação na produção de imagens dos variados e deliciosos produtos vendidos pela marca Curitibana.

O primeiro grande desafio como fotógrafa na Cuore di Cacao foi o catálogo de Páscoa de 2009, antes de me tornar sócia. As irmãs, Carolina e Bibiana confiaram no meu trabalho e deixaram a meu cargo a criação das imagens. Bibiana, a designer, criou todo o conceito da Páscoa daquele ano e eu criei as imagens baseadas no briefing que tinha recebido.

Luz natural, produtos na mesa, câmera e tripé, seguem algumas coisas que aprendi naquele dia.



Ensaio fotográfico de ovos de chocolate
Fotografia de ovos de Páscoa


1. CHOCOLATE DERRETE AO TOQUE: parece óbvio, mas tendo em vista que eu estava preocupada em como exatamente colocar os ovos de pé, não pensei que ao manuseá-los eles derreteriam com tanta facilidade. Não foi um problema de temperagem (etapa do processo de fabrico do chocolate que se segue à conchagem, em que a mistura da pasta de cacau e dos restantes ingredientes é sujeita a ciclos de aquecimento e arrefecimento de modo a que estabilize e endureça), mas sim de temperatura quente do ambiente e de minhas mãos. Chocolate mal temperado derrete em qualquer clima e sempre serão um problema manuseá-los. SOLUÇÃO: AR CONDICIONADO. Fotografe em um ambiente mais fresco. Temperatura entre 20 e 22 graus é o recomendado.


2. MARCAS DE MANUSEIO: sim, suas digitais podem marcar a superfície lisa e perfeita do chocolate. A menor imperfeição não é grave ao olho nu, mas na edição pode se tornar um grande problema.

SOLUÇÃO: luvas cirúrgicas. Use quantas forem necessárias e que se ajustem bem às suas mãos. Se suas mãos suam muito, então o melhor a fazer é lavá-las com água fria de tempos em tempos e não usar as luvas.


3. EQUILIBRAR PRODUTOS DE CHOCOLATE: o catálogo de Páscoa da Cuore di Cacao geralmente tem mais de 20 sabores de ovos, não poderia fotografá-los todos da mesma maneira. Muitas vezes, eu tinha que arrumá-los de maneira a ficarem na posição correta, de pé, ou deitados de lado ou um por dentro do outro. SOLUÇÃO: pedaços de chocolate. Essa dica quem me deu foi a Bibiana para esta primeira sessão de fotos. Pedaços menores de chocolate podem estabilizar os ovos por trás, ou por baixo e são da mesma cor do chocolate que se está trabalhando, não interferem no tom, nem na luz. Pequenos objetos podem marcar o chocolate, ou podem fazer sombra. Claro que há casos onde temos que colocar bases para segurar uma grande estrutura, mas nos pequenos detalhes podemos colocar pedaços de chocolates para segurar os ovos no lugar.


4. CHOCOLATE TEM QUE TER BRILHO: chocolate fosco ou esbranquiçado foi mal temperado. Ele não vai brilhar. A humidade infelizmente também afeta o brilho do chocolate, mesmo que ele tenha sido bem produzido.

SOLUÇÃO: aqui pode-se tentar usar um secador de cabelos ou uma heat gun para aquecer um pouco a superfície. Pode ser que resulte. Se mesmo assim você precisar fotografar um chocolate sem brilho, avise seu cliente exatamente o tipo de resultado que ele vai ter.





5. TER MAIS DE UMA UNIDADE DO MESMO PRODUTO: pelo menos 2 unidades de cada produto. No caso de ovos e barras podemos fazer a foto do produto inteiro ou quebrado. O manuseio pode marcar o chocolate e ter mais de uma unidade do mesmo produto ajuda muito o trabalho do fotógrafo. SOLUÇÃO: a produção de mais de um produto gera custo para seu cliente e esse assunto deve ser abordado com cuidado. Se não for possível produzir mais de uma unidade, então temos o dever de, junto com o cliente, planejar o andamento da sessão. Esclarecer exatamente os tipos de fotos que ele precisa e seguir nesta ordem: produto na embalagem fechada, produto na embalagem aberta, produto fora da embalagem com a mesma atrás, somente o produto inteiro, produto quebrado.


6. ILUMINAÇÃO: neste primeiro trabalho que fiz eu não tinha luzes artificiais. Todo catálogo foi fotografado em luz natural. Para facilitar, fotografei todos os produtos com o mesmo fundo, local e direção de luz. Luz lateral ou luz vinda de trás são as melhores opções pois realçam as zonas claras e as sombras. Use rebatedores se necessário. Se sentir que a luz está saindo de seu controle, pare e continue no mesmo horário no dia seguinte. Com luz artificial, o céu é o limite, mas falaremos disso outra hora.


Seja sempre verdadeiro com seu cliente e com você mesmo. Novos desafios vão surgir todos os dias. Pesquise, aprenda e pratique! Até a próxima edição!


Clau Pereira Fotos



Foto de barra de chocolate
Fotografia de barra de chocolate

0 comentário

コメント


bottom of page